Situações lúdicas para o brincar no espaço urbano: experimentações para processos projetuais sensíveis às perspectivas das crianças

A dissertação traz reflexões contemporâneas sobre o processo projetual do design de espaços urbanos e instalações para o livre brincar infantil pautado na escuta da criança enquanto sujeito (colaboradoras ou coautoras), em vez de simples usuária. Bem redigido e fundamentado teoricamente, apresenta, ainda, experimentos
ilustrados que elucidam como o processo projetual pode incorporar olhar, gestos e brincadeiras, chegando a conclusões que valorizam a subjetivação no projeto.

RECEBA NOSSA PROGRAMAÇÃO

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório
Entrar em contato

ter. a dom. das 10h às 18h