PROGRAMAÇÃO

PROGRAMAÇÃO ABRIL

PROGRAMAÇÃO ABRIL
27.04 – São Paulo Arte Trio
Integrado por músicos com formação acadêmica consistente e concertistas premiados nacional e internacionalmente, o grupo traz composições, de Beethoven, um dos mais profícuos criadores da música de concerto, ao argentino Piazzolla, que aplicou e uniu o domínio de estilo, estética e forma adquiridos na composição à caracterização dos ritmos de sua terra natal. 
 
Fundado em abril de 2006, o grupo é formado por Paulo Gazaneo (piano), Laércio Sinhorelli Diniz (violino) e Ana Maria Carvalho Chamorro (violoncelo), músicos com formação acadêmica consistente e concertistas premiados nacional e internacionalmente. 
 
Artistas dotados de sonoridade vigorosa em seus respectivos instrumentos, os componentes do São Paulo Arte Trio buscam através do estudo da sonoridade e particularidades estilísticas das obras uma identidade única como formação camerística, explorando todas as possibilidades que a formação clássica de trio com piano possibilita aos seus intérpretes. 
20.04 – Quinteto de sopros Kaleidos
A partir de compositores de diversos momentos da história da música, do século 18 aos dias atuais, o quinteto apresenta concerto que traz a dança como tema. No programa, o grupo formado por Cássia Lima (flauta), Peter Apps (oboé), Sergio Burgani (clarinete), Francisco Formiga (fagote) e Samuel Hamzem (trompa) traz Hadyn, Ferenc Farkas, Ibert, Milhaud e Strauss.
13.04 – Quarteto Cantabile
Integrado por Marcelo Barboza (flauta), Heitor Fujinami (violino), Marcos Fukuda (viola) e Ricardo Fukuda (violoncelo), componentes da Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal de São Paulo, o quarteto traz repertório para um instrumento de sopro e trio de cordas numa mistura exótica de música de câmara. No programa, Christian Bach, Tchaikowsky, Mozart, Bizet, Rossini. 
06.04 – Quinteto de sopros Kaleidos
Com arranjo de Ulf-Guido Schäfer, elaborado especialmente para quinteto de sopros, o grupo camerístico formado por Cássia Lima (flauta), Peter Apps (oboé), Sergio Burgani (clarinete), Francisco Formiga (fagote) e Samuel Hamzem (trompa) apresenta a ópera de Mozart “Cosi fan tutti”. 
 
A tradicional formação para quinteto de sopros teve origem por volta de 1800, época em que os instrumentos de madeira, em pleno desenvolvimento, despertaram a atenção de compositores, que passaram a explorar a riqueza sonora desta combinação. 

RECEBA NOSSA PROGRAMAÇÃO

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório
Entrar em contato

ter. a dom. das 10h às 18h