« VOLTAR

ARTIGO: "O MÓVEL DE MÚLTIPLAS UTILIDADES NA COLEÇÃO MCB: MODERNIDADE, PRIVACIDADE E ECONOMIA DE ESPAÇO"

A busca de soluções para economia de espaço e portabilidade no mobiliário existe desde os primeiros móveis. Há evidências da existência de móveis dobráveis, desmontáveis e portáteis, como por exemplo, catres e camas para campanhas militares, desde o antigo Egito. Exemplares de cadeiras dobráveis de campanha também são bastante comuns e encontradas em diferentes regiões do mundo. O móvel de múltiplas funções hoje no acervo do MCB poderia ser interpretado dentro desta chave de um mobiliário que busca economizar espaço e dinheiro.

* Paula Coelho M. de Lima é Analista de Preservação e Pesquisa do Núcleo de Preservação, Pesquisa e Documentação do Museu da Casa Brasileira desde 2011. Doutoranda em História Social pela Universidade de São Paulo, Mestre em Museologia (2014) e Bacharel em História (2008) também pela USP, atuou no Serviço de Objetos do Museu Paulista da USP entre 2005 e 2008, onde voltou a desenvolver pesquisa em 2013, através do Programa de Pesquisas nos Acervos da USP. No Museu da Casa Brasileira, atua junto ao acervo museológico, trabalhando no desenvolvimento de normativas e instrumentos de gestão das coleções, nas ações de conservação preventiva e no desenvolvimento de pesquisas para exposições, a destacar as mostras “A Casa e a Cidade – Coleção Crespi-Prado” e “Madeira e Móvel – Um olhar sobre a Coleção MCB” (2012).

VERSAO_SITE_Artigo_3_tri.pdf